sábado, 21 de novembro de 2009

PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES EM SAÚDE MENTAL

NOTICIAS BOAS 2

Soube "sorrateiramente" que já aconteceu a seleção de pessoal para trabalhar nos dois CAPS que abrirão até final de dezembro. Além do critério da indicação, parece-me que não houve outro e é assim que o povo vai caindo de paraquedas no serviço, só para depois receberem capacitação. Pelo menos ninguém me falou sobre análise curricular. Além de Amparo Oliveira (histórica) não conheço mais ninguém da saúde mental da FMS, não há uma coordenação, uma gerência ou nada que corresponda. Quem souber mais do que eu, por favor me informe.
A notícia boa é que estamos tentando fazer a ponte entre FMS e instituições que promovem práticas integrativas e complementares aqui em Teresina, assim sendo, se a respeitada técnica, competente e mulher de ação citada acima, não fazer "ouvido de mercador" ou agir com aquele típico comportamento dos normais, que nós loucos tão bem conhecemos, fingem que nos ouvem, fazem todas as promessas do mundo para não nos contrariarem e depois acham que não temos memória. Se assim não acontecer e muita gente boa que ler este blog me ajudar, pode ser que o CAPS Sudeste, que ficará no Dirceu I, já com casa alugada, seus usuários possam ser atendidos pelos terapeutas naturistas do Espaço Alternativo Casa São Domingos que tem endereço algumas quadras do mesmo bairro do futuro CAPS.
As integrativas também não curam doença mental, e agem parecido com o ensaio-erro da prescição da medicação, tem que se ir tentando, dependendo muito de indivíduo para indivíduo. Mas podem auxiliar muito no alívio de alguns sintomas.

Um comentário:

Vanessa Marsden disse...

Muito legal seu blog, continue com o bom trabalho e boa sorte na sua luta contra o estigma na saude mental!

PSIQUIATRIA SEM HOSPÍCIO

POR UMA CLÍNICA DA REFORMA PSIQUIÁTRICA: COM SUBJETIVIDADE, MEDICAÇÃO COM MENOS EFEITOS COLATERAIS E MAIOR PODER DE RESOLUTIVIDADE ASSOCIADA A PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES.